Loading...

Linhas de massas recheadas

Linhas para massas recheadas


Linhas para a produçao e tratamento termico em continuo de massa recheada

Projetamos e construimos linhas de produçao e tratamento térmico em continuo de massa recheada tipica italiana (ravioli, cappelletti, cannelloni, etc...) ou de oltras regiões do mundo ( pierogi, empanada, pelmeni, etc..).

As linhas são extremamente eficientes; a sincronização entre as várias máquinas permite uma redução considerável da mão de obra. As máquinas e tambem as linhas foram estudadas para facilitar a produção e a limpeza. Todos os componentes mecânicos elétricos e potencialmente perigosos são cobertas por especificas protecções.

Preparação da mistura e formação da folha



A produção de massas recheadas começa sempre a partir da produção da folha.

A farinha, a água e outros componentes (tais como ovos ou corantes alimentares) são misturados dentro da amassadeiras automáticas ou semi-automáticas, dependendo da capacidade de produção.

No final da fase de mistura, a massa é produzida por meio de uma extrusora ou de uma laminadora.


Moldagem do produto


A folha é transportada automaticamente nas maquinas formadoras.
A gama Italgi inclui muitas soluções diferentes para a moldagem de massas recheadas, listados abaixo alguns exeplos:

Ravioli com folha dupla

Adapto para a produção dos clássicos ravioli folha dupla de vários formatos.



Formadoras com uma folha

Máquinas para a moldagem de produtos uma folha, como tortelloni, ravioli del plin, empanadas, pierogi, etc...



Cappelletti

Máquinas para produzir cappelletti em diferentes formatos e tamanhos.


Cannelloni

Usando um molde especial, é possível produzir cannelloni, manicotti ou rigatoni recheados co-extrudido em ciclo contínuo.


Tratamento térmico



O produto obtido pode ser vendido fresco ou tratado para aumentar a sua durabilidade com o seguinte equipamento:

  • Pasteurizadora;
  • Túnel ou trabato de secagem;
  • Túnel de esfriamento.

Todos estes processos térmicos são geralmente realizados automaticamente em transportadores de correia, enquanto minimiza o contacto com operadores.


Acondicionamento



No final do processo termico, o produto pode ser embalado em sacos ou bandejas em atmosfera modificada.

Scroll to Top